Sem visto dos EUA, judocas não viajam

Dois judocas, o superligeiro Rafael Krug e a meio-médio Lílian Lenzi, não viajaram para o Pan-Americano de Porto Rico, por não terem obtido o visto americano. A Confederação Brasileira de Judô culpou a "burocracia" para tirar o visto pelos desfalques na equipe que inicia sexta-feira o Pan. O leve paulista Diogo Coutinho embarcou hoje. "Por causa de um documento quase fiquei. Sorte que tudo terminou bem."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.