Semana da Vela: recorde de inscritos

O Yatch Club de Ilhabela espera receber o número recorde de 150 embarcações para a Semana de Vela de Ihabela, que começa sábado, com a regata de longo percurso Eldorado-Alcatrazes por Boreste. Além dos barcos que chegarão de todo o Brasil, a organização do evento recebeu a inscrição de quatro veleiros sul-americanos. Segundo o comodoro do Yatch Club de Ilhabela, Arthur Mendes, o nível técnico da competição tende a subir. ?A Semana de Ilhabela é uma competição de altíssimo nível técnico. Sempre atraiu veleiros do Brasil inteiro e, agora, também do Mercosul. Em algumas edições, contamos com a participação de barcos europeus.?Para Arthur Mendes, a tradição da competição, já em sua 29ª edição, é um dos fatores que contribuem para tornar o evento ainda mais atrativo, além da participação de iatistas de renome internacional, como Robert Scheidt e Amyr Klink. ?Com velejadores desse nível, a competição ganha em qualidade. Sem contar a troca de experiências, não só as de competição, mas também as do dia-a-dia no mar. É uma grande confraternização entre todos os participantes.? Segundo o comodoro, Amyr Klink e André Homem de Mello, velejadores solitários, têm muito a oferecer aos velejadores acostumados a regatas mais curtas. ?Eles podem falar sobre como superar situações adversas quando estão velejando sozinhos. Essa troca de idéias é muito enriquecedora.?Mendes acredita que não há favoritos para a regata de sábado. ?É muito difícil falar sobre isso. Vai depender muito das condições do mar. Qualquer um pode conseguir um bom resultado.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.