Shogun diz que vai 'calar' Sonnen

Para retomar o caminho das vitórias e se aproximar de uma disputa pelo cinturão da categoria meio-pesado, Mauricio Shogun precisa vencer Chael Sonnen, hoje, em duelo válido pelo UFC Night Fight, em Boston, nos Estados Unidos.

O Estado de S.Paulo

17 de agosto de 2013 | 02h03

Em entrevista ao Estado, Shogun afirmou que esse combate terá uma motivação extra e que não esqueceu as antigas provocações do rival. "Não gosto do jeito com que ele tratou o Wanderlei Silva e o Brasil. Sou patriota e sempre defendi a bandeira brasileira, então essa luta tem um gostinho especial", afirmou o lutador paranaense.

O lutador, inclusive, não esconde como gostaria que a luta terminasse. "Eu desejo o nocaute. Sempre busquei isso em todas as minhas lutas, e dessa vez não será diferente".

Além de Shogun, outros dois brasileiros sobem no octógono em Boston. Yuri Marajó enfrenta Urijah Faber e Diego Brandão luta contra Daniel Piñeda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.