Simeone nega favoritismo e prevê dificuldade contra o Bayern na Liga dos Campeões

Um dia depois da definição do adversário nas semifinais da Liga dos Campeões da Europa, o técnico argentino Diego Simeone afirmou neste sábado que prevê enormes dificuldades para superar o Bayern de Munique, mesmo após ter eliminado o Barcelona nas quartas de final. O treinador sabe que encarar Pep Guardiola será m desafio e tanto para ele e o Atlético de Madrid.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

16 de abril de 2016 | 09h47

"É um rival importante, com uma grande história, muito forte nestas situações e eliminatórias da Liga dos Campeões, com um estilo de jogo predominantemente ofensivo e com um treinador que tem bem claro o que quer. É uma equipe que sempre competiu para vencer esta competição. Será uma partida linda, uma grande oportunidade, sem dúvida nenhuma, e um grande desafio", avaliou Simeone.

Após ter passado pelo Barcelona, muitos críticos apontaram o Atlético de Madrid como favorito contra o Bayern de Munique. Simeone logo quis acabar com isso. "Sempre entendemos as avaliações e opiniões das outras pessoas, mas nós tentamos opinar o mínimo possível. Sabemos que o (Manchester) City, o Bayern e o Real (Madrid) têm extraordinários jogadores de futebol e nós somos uma equipe dura, sem dúvida nenhuma, mas os rivais que ainda estão na Liga dos Campeões têm jogadores com poder de decisão e grandes treinadores", concluiu o argentino.

Atlético de Madrid e Bayern de Munique farão a partida de ida pelas semifinais no próximo dia 27, uma quarta-feira, no estádio Vicente Calderón, em Madri. Na terça seguinte, dia 3 de maio, o duelo será no Allianz Arena, em Munique. A decisão está marcada para o dia 28 de maio, em Milão, no estádio San Siro, como é chamado nas partidas com o Milan como mandante, ou Giuseppe Meazza, nome dado quando a Internazionale é a dona da casa.

No Campeonato Espanhol, o Atlético de Madrid se aproveitou de dois tropeços do líder Barcelona e diminuiu a desvantagem de nove para três pontos (76 a 73) - o Real Madrid vem na sequência com 72. Neste domingo, pela 33.ª rodada, o time de Simeone joga em casa contra o Granada, que briga contra o rebaixamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.