Sissoko: medalha de Mali é sonho real

Mohammed Sissoko, jogador de meio-campo da seleção de Mali e do Valência da Espanha, quer oferecer a seu país um grande título internacional, como a Olimpíada. Caso tenha sucesso, a África manterá seu domínio no futebol olímpico: a Nigéria foi ouro em Atlanta-96 e Camarões, em Sydney-00.?O nível do futebol africano está muito elevado desde que nossos jogadores começaram a freqüentar clubes europeus. E também tem entrado bastante dinheiro no futebol de nosso continente, muito investimento?, analisou.Sissoko foi um dos destaques de Mali na vitória por 2 a 0 sobre a Grécia e no empate sem gols diante do México, pelo Grupo A. Se sua seleção não perder para a Coréia do Sul, nesta terça-feira, estará classificada para as quartas-de-final.?Somos uma equipe jovem, com qualidade e muita vontade de fazer algo bonito por nosso país. Se conseguirmos, deixaremos nossos compatriotas muito felizes?, disse o jogador de 19 anos. ?Na última Copa da África, Mali alcançou as semifinais. Quando voltamos para casa, todos estavam nas ruas comemorando. Se realizarmos algo parecido nos Jogos, vamos viver momentos como os que os gregos viveram logo após a conquista da Euro 2004?, projetou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.