Reuters
Reuters

Sky Brown, jovem promessa do skate mundial, disputa torneio de surfe no Brasil

Além da atleta nipo-britânica de apenas 13 anos, também virá ao País Jackson Dorian, filho da lenda do surfe Shane Dorian

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de outubro de 2021 | 19h59
Atualizado 28 de outubro de 2021 | 21h01

Medalha de bronze no skate park na Olimpíada de Tóquio, a nipo-britânica Sky Brown, de apenas 13 anos, não se destaca somente nas pistas. Versátil nos esportes radicais, ela virá ao Brasil para a disputa de uma competição de surfe, a LayBack Pro, entre 10 e 14 de novembro. O evento terá outros nomes importantes do cenário esportivo mundial.

Um deles é o havaiano Jackson Dorian, de apenas 15 anos. Ele é filho de Shane Dorian, uma lenda do surfe. A competição, realizada na Praia Mole, em Florianópolis, contará com 176 surfistas de nove países, sendo sete atletas olímpicos que exibirão suas habilidades nas praias brasileiras.

Além de Sky Brown, outros atletas que estiveram no Japão para a disputa dos Jogos Olímpicos são: a brasileira Silvana Lima, a peruana Daniella Rosas, a equatoriana Dominic Barona, o argentino Leandro Usuna, o peruano Miguel Tudela e o chileno Manuel Selman.

O evento ainda poderá contar com a presença do skatista Pedro Barros, que é surfista amador nas horas de descanso. O medalhista de prata na Olimpíada é dono da LayBack, que batiza uma cerveja e também uma franquia da família, com pistas de skate em diferentes cidades do País. Pedro, no entanto, só deve prestigiar o evento, sem competir.

O LayBack Pro marca a volta de etapas que até então estavam fora do calendário do Circuito Mundial de Surfe, o principal campeonato da modalidade. Florianópolis não sediava um da WSL há cinco anos e a Praia do Mole, após 11 anos. Além disso, retorna a Billabong, promotora do torneio, que patrocinou a fase brasileira do WSL Championship Tour até 2014.

Este será o primeiro evento do Circuito Mundial no Brasil desde o início da pandemia do novo coronavírus, que forçou a paralisação das atividades do surfe no mundo inteiro em 2020. Grandes nomes do surfe brasileiro prestigiarão o evento, como Adriano de Souza, Yago Dora, Jadson André, Miguel Pupo, Caio Ibelli e Alex Ribeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.