Sobis minimiza nova função e espera primeira vitória no Cruzeiro

Logo em sua segunda partida com a camisa do Cruzeiro, Rafael Sobis precisará se adaptar a uma função diferente. Depois de estrear na derrota para o Atlético-PR no último fim de semana, o atacante atuará mais recuado, como substituto do suspenso De Arrascaeta, diante do Fluminense, neste domingo, no Rio. Nada que assuste o jogador, que jogou assim durante sua passagem pelo Tigres e minimizou a mudança.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

16 de julho de 2016 | 12h47

"Ficar à vontade depende de cada jogo. Posso jogar na minha posição e não ir bem, posso jogar em outra função e ir bem e o time ganhar. Ou seja, isso de bom ou ruim depende muito do resultado da partida. No México, era uma função diferente sim, mas do meio para frente já joguei em todas e não vejo problema nenhum. Me adapto fácil a qualquer uma das funções", declarou.

Independente da posição em que atuará, Sobis só tem um desejo neste domingo: vencer. O Cruzeiro atravessa fase complicada e ocupa apenas a 15.ª colocação na tabela, com 15 pontos. Para o atacante, neste domingo o importante é sair com os três pontos contra o Fluminense. A evolução técnica, tanto dele quanto do time, virá com o tempo.

"Essa é a expectativa. Joguei a primeira partida, fomos bem no primeiro tempo. Não senti a falta de ritmo, senti um cansaço no final, mas normal, fazia dois meses que não jogava. Foi bom, acho que o crescimento será natural. Espero crescer cada vez mais para ajudar o time a conquistar as vitórias que necessitamos", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.