STJD investiga empate arranjado na Série C do Brasileiro

O procurador do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (SJTD), Paulo Schimdt, confirmou nesta terça-feira que investigará o empate por 0 a 0 entre Toledo e Marcílio Dias, no domingo, pela Série C do Campeonato Brasileiro.O resultado, que classificou as duas equipes para a segunda fase da competição, teria sido combinado por atletas dos clubes. O jogador Rafinha, do Toledo, afirmou a uma rádio da cidade que uma conversa entre os atletas antes da partida definiu o empate sem gols.Caso sejam consideradas culpadas, as equipes podem ser punidas com a eliminação do torneio, por "procederem de forma atentatória à dignidade do desporto", artigo 275 do Código Brasileiro de Justiça de Desportiva (CBJD).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.