Suárez pede desculpas a Evra. City volta à ponta

O atacante Luis Suárez pediu desculpas ontem por ter se recusado a cumprimentar o francês Patrice Evra antes do jogo de sábado entre Manchester United e Liverpool (2 a 1 ), em Old Trafford, pelo Inglês. O defensor europeu, que acusa o uruguaio de racismo, estendeu a mão ao seu rival, na tradicional fila de cumprimentos, mas viu Suárez o evitar abruptamente. Ontem, o Manchester City bateu o Aston Villa por 1 a 0, gol de Lescott, e voltou à liderança - tem 60 pontos contra 58 do rival Manchester United. Ainda ontem Wolverhampton 1 x 5 West Bromwich Albion.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.