Stringer/REUTERS - 18/12/2010
Stringer/REUTERS - 18/12/2010

Subirats é absolvido pelo CAS e poderá participar do Pan

Nadador venezuelano havia sido suspenso por faltar em três exames antidoping

Estadão.com.br

26 de agosto de 2011 | 09h08

LAUSANNE -  O nadador venezuelano Albert Subirats teve sua suspensão de um ano imposta pela Federação Internacional de Natação (Fina), cancelada pela Corte Arbitral do Esporte (CAS). Os árbitros consideraram que o atleta foi inocente no caso de não informar sua localização (whereabouts) por ocasião de três exames antidoping. Segundo as regras do Comitê Olímpico Internacional (COI), não participar de três coletas de amostras quando convocado é infração passível de punição. Com a decisão, Subirats está apto a disputar os Jogos Panamericanos de Guadalajara.

A CAS considerou que desde 2006 Subirats sempre informou seu paradeiro para realização de exames antidoping à Federação Venezuelana de Natação (FVN) que até 2010 sempre encaminhou os whereabous à Fina no prazo. No entanto, no primeiro e no quarto semestre de 2010 e no primeiro semestre de 2011, a entidade venezuelana não encaminhou os formulários enviados pelo atleta. No período, o atleta teria sido escolhido três vezes para realizar exames antidoping que acabaram não acontecendo. A Fina notificou a FVN do problema, mas a entidade só repassou a terceira advertência a Subirats, que foi suspenso em junho, deixando de participar do Mundial de Natação de Xangai.

A corte considerou que o atleta não poderia ser punido pois não tinha conhecimento das duas primeiras advertências e só soube da terceira depois de o problema ter ocorrido. Desta forma, a  CAS acatou o recurso de Subirats e todos os seus tempos obtidos a partir de 3 de janeiro foram restituídos. No Pan do Rio, em 2007, Subirats ganhou duas medalhas de bronze, nos 100 metros borboleta e no revezamento 4 x 100 metros livre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.