Sul-africano Van der Burgh quebra recorde mundial dos 100m peito

Ele fez a prova em 58seg46 - 0,12 segundos mais baixo que a antiga marca, 58seg58, feito pelo australiano Brenton Rickard

Reuters

29 de julho de 2012 | 16h54

O sul-africano Cameron van der Burgh bateu o recorde mundial ao conquistar a medalha de ouro nos 100 metros peito nos Jogos de Londres neste domingo. Van der Burgh fez a prova em 58seg46, 0,12seg mais baixo que o antigo recorde, 58seg58, feito pelo australiano Brenton Rickard no campeonato mundial de 2009, antes que os trajes tecnológicos fossem proibidos.

O australiano Christian Sprenger levou medalha de prata, com 58seg93, enquanto o norte-americano Brendan Hansen foi o terceiro. Van der Burgh tornou-se o primeiro sul-africano a conquistar um ouro olímpico em um evento individual da natação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.