Sul-americano: Marta acende a pira

A pira dos Jogos Sul-Americanos já está acesa. Em cerimônia realizada neste domingo no Parque do Ibirapuera, em São Paulo, a prefeita da cidade, Marta Suplicy (PT), o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman, e atletas consagrados como Gustavo Borges, Magic Paula, Ana Moser e Patrícia Amorin receberam o Fogo Sul-Americano, procedente de Tiwanaco (Bolívia). A tocha dos Jogos Sul-Americanos Brasil 2002, que serão disputados no Rio, São Paulo, Belém e Curitiba, de 1º a 11 de agosto, foi conduzida pelo paraolímpico Antonio Tenório da Silva (judô). Após o evento ? foi a prefeita que acendeu a pira ?, as outras cidades-sede repetiram o ritual em suas piras, que permanecerão em chamas até o último dia de competições. ?Estamos demonstrando a integração de quatro cidades. Isso trará benefícios para futuras candidaturas do Brasil a eventos esportivos internacionais?, observou Nuzman. Esse é o maior torneio multiesportivo que o País recebe desde os Jogos Pan-Americanos de 1963, em São Paulo. Para comemorar a chegada da tocha e o Dia Olímpico, cerca de 4 mil atletas disputaram uma corrida de 10 quilômetros no Parque do Ibirapuera, cujo campeão foi Gilson Rodrigues de Miranda. O dia 23 de junho celebra em todo o mundo o aniversário do Comitê Olímpico Internacional (COI), fundado pelo Barão Pierre de Coubertin em 23 de junho de 1894, na Universidade de Sorbonne, em Paris, na França.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.