Teixeira teme voltar ao Brasil

Ricardo Teixeira trocou o Rio por Boca Raton, na Flórida, alegando problemas de saúde, desmentidos em seguida por pessoas que lhe eram próximas. Levou a mulher e a filha adolescente. Mantém contato permanente com seus pares na CBF e desde que se mudou, no início de 2012, não voltou ao Brasil. Teme ser investigado por eventuais crimes financeiros envolvendo a CBF.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.