Tênis: Chile conquista ouro inédito

Num jogo sensacional, que teve quase quatro horas de duração e terminou perto das 3 horas da madrugada (horário local), a dupla chilena Nicolas Massu e Fernando Gonzalez conquistou neste sábado à noite a medalha de ouro do torneio de duplas masculinas dos Jogos Olímpicos de Atenas. Numa final eletrizante, eles derrotaram os alemães Rainner Schuettler e Nicolas Kiefer por 3 sets a 2. As parciais foram de 6/2, 4/6, 3/6 e 7/6 (8-6) e 6/4. Esta foi a primeira medalha de ouro da história olímpica do Chile.O jogo foi uma prova de resistência e de garra da dupla chilena. Gonzalez havia saído de uma disputa de medalha de bronze em um jogo dramático contra o americano Taylor Dent. O chileno venceu por 2 a 1 e o terceiro set foi um dos mais longos da história do tênis, com mais de duas horas de duração (Gonzalez fez 16 a 14). Massu, por sua vez, terá pouquíssimo tempo de descanso. Na manhã deste domingo enfrenta o norte-americano Mardy Fish na final do torneio de simples, quando pode ganhar a sua segunda medalha de ouro. Apesar do cansaço, os chilenos sempre estiveram mais determinados e venceram o primeiro set com facilidade. Os alemães reagiram e ganharam os sets seguintes. Na quarta série, Schuettler e Kiefer chegaram a estar vencendo por 6 games a 3 no tie-break, mas Massu e Gonzalez, demonstrando garra incomum, reagiram e venceram num 8-6, levando o jogo ao quinto set.No última e decisiva série, houve seguidas quebras de serviço. Os chilenos estiveram atrás, mas, demonstrando uma reação incrível, fecharam a partida que vai entrar para a história do Chile e do tênis olímpico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.