Tênis usará replay da TV para esclarecer dúvidas

O tênis passará a usar o recurso de replays para tirar dúvidas nas marcações de linha já em torneios deste ano. A novidade irá aparecer no Masters Series de Miami - valendo apenas para os jogos do feminino -, WTA Tour, e a partir do US Open (o quarto Grand Slam da temporada), na última semana de agosto, estará valendo para todas as modalidades.Os tenistas terão direito a pedir dois replays por set. Se o jogador que fez o pedido estiver certo, irá manter o mesmo número de opções. No tie break, haverá um pedido extra. O sistema a ser utilizado será o de hawk-eye [olho de águia, com imagens fixas nas linhas do campo], mas a USTA, a associação norte-americana de tênis, está em contatos com várias empresas para buscar tecnologias ainda mais avançadas.A repercussão entre os jogadores foi bem satisfatória. Andre Agassi disse que essa é a inovação mais atraente no tênis em 20 anos. A musa Maria Sharapova garantiu que vai se sentir muito mais satisfeita em ter a certeza de que suas bolas foram bem marcadas. E o ex-tenista e atual comentarista John McEnroe garantiu que há anos o tênis já estava precisando desse recurso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.