Oliver Weiken/EFE
Oliver Weiken/EFE

Thiago Braz fica em 6º em Londres e se classifica para final da Diamond League

Melhor salto do brasileiro campeão olímpico de 2016 não passou de 5,46m, mas os pontos foram suficientes para ele passar à próxima fase

Estadão Conteúdo

21 Julho 2018 | 13h46

Campeão olímpico do salto com vara em 2016, na Olimpíada no Rio, Thiago Braz terminou em sexto lugar na etapa de Londres, na Inglaterra, da Diamond League. O resultado foi suficiente para o brasileiro garantir vaga na etapa final da competição, que é a principal do circuito mundial de atletismo. O evento vai acontecer em Bruxelas, na Bélgica, em 31 de agosto.

+ Suspenso por doping, Caio Bonfim se diz 'vítima de contaminação'

+ Queniana bate recorde mundial dos 3 mil metros com obstáculos na Diamond League

+ Marchador Caio Bonfim pega seis meses de suspensão por doping

O melhor salto de Braz não passou de 5,46m, mas os pontos pelo sexto lugar foram suficientes para ele se incluir entre os 12 atletas que vão disputar a etapa final da Diamond League. Em Londres, quem saiu com a medalha de ouro foi norte-americano Sam Kendricks, com a marca de 5,92m.

O segundo colocado na etapa foi o francês Renaud Lavillenie, rival de Braz na disputa pelo título olímpico em 2016, quando o medalhista de prata se queixou das vaias do público brasileiro para tirar dele a concentração nos saltos. Neste sábado, Lavillenie competiu com a camisa da seleção francesa, campeã do mundo no último domingo, e alcançou a marca de 5m86.

Também neste sábado, o norte-americano Ronnie Baker terminou a prova dos 100m com o tempo de 9s90, o suficiente para ele conquistar a medalha de ouro na etapa. O britânico Zharnel Hughes, com 9s93, e o sul-africano Akani Simbine, com 9s94, completaram o pódio.

A etapa de Londres da Diamond League continua neste domingo e terá dois brasileiros no Estádio Olímpico: Andressa Oliveira de Morais, no lançamento do disco, e Thiago do Rosário André, nos 1.500m.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.