Wilton Junior / Estadão
Wilton Junior / Estadão

AO VIVO

Confira tudo sobre a Copa do Mundo da Rússia 24 horas por dia

Thiago Braz supera Lavilennie e fica com a prata no 1º evento em 2018

Brasileiro só é superado pelo polonês Lisek Piotr no Meeting Internacional Indoor de Berlim

Estadão Conteúdo

26 Janeiro 2018 | 23h02

O brasileiro Thiago Braz começou a temporada 2018 no salto com vara com um segundo lugar e superando o francês Renauld Lavillenie. Nesta sexta-feira, o campeão olímpico obteve a marca de 5,70 metros e faturou a medalha de prata no Meeting Internacional Indoor de Berlim, disputado na Mercedes-Benz Arena.

+ Brasil já tem cinco representantes qualificados ao Mundial Indoor de Atletismo

Thiago Braz acabou sendo superado pelo polonês Lisek Piotr, que levou a medalha de ouro com 5,83m, a segunda melhor marca da temporada, atrás do 5,86m conquistados por Lavillenie em outro evento. Em Berlim, porém, o francês não foi além dos 5,70m, sendo superado pelo brasileiro nos critérios de desempate.

A competição na Alemanha encerrou um longo período de inatividade de Thiago Braz, que não competis desde julho de 2017, quando se lesionou na etapa de Rabat, no Marrocos, da Diamond League. Nesta sexta, então, ele voltou a competir, passando a dos 5,45m, 5,60m e 5,70m logo na primeira tentativa. Nos 5,78m, porém, o brasileiro não teve sucesso nos seus três saltos.

A competição em Berlim foi mais um passo de Thiago Braz na preparação para o Mundial Indoor, que será disputado entre 1º e 4 de março em Birmingham, na Grã-Bretanha. Curiosamente, o campeão olímpico conseguiu exatamente o mesmo resultado que teve nesse evento em 2017, quando ficou em segundo lugar com os mesmos 5,70m desta sexta.

O brasileiro vem treinando desde 6 de janeiro em Pádua, na Itália. A sua próxima competição será em 3 de fevereiro, na cidade de Karlsruhe, também na Alemanha, na abertura do IAAF World Indoor Tour.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.