Duda Bairros/VICAR
Duda Bairros/VICAR

Thiago Camilo e Barrichello vencem provas da etapa de Campo Grande da Stock

Mesmo sem figurar no pódio em nenhuma das duas corridas, Daniel Serra segue na liderança do campeonato

Redação, Estadao Conteudo

11 de agosto de 2019 | 20h54

Thiago Camilo e Rubens Barrichello foram os vencedores do fim de semana da Stock Car em Campo Grande, ganhando, respectivamente, a primeira e a segunda corrida na capital sul-mato-grossense, neste domingo, em duas provas bastante distintas.

Mesmo sem figurar no pódio em nenhuma das duas corridas - ficou em oitavo na primeira e em quinto na segunda -, Daniel Serra saiu no lucro com os resultados da etapa de Campo Grande. Agora com 191 pontos, o atual bicampeão mantém ainda boa vantagem contra os 175 de Ricardo Mauricio (segundo colocado na prova 2) e os 169 de Julio Campos (em segundo no primeiro evento), que vêm a seguir na classificação.

Na abertura dos trabalhos em Campo Grande, Thiago Camilo aproveitou bem a largada na pole para consolidar sua liderança no decorrer da disputa, mas teve de conter o ímpeto de Julio Campos já no desfecho da corrida, saindo vitorioso por uma diferença de míseros 0s286.

"Vencer quatro corridas de nove disputadas até o momento é algo raro na Stock Car e valorizo muito. Optamos em focar na corrida 1 e tive de usar todos os botões de ultrapassagem para segurar o Campos. Com isso, sacrifiquei a prova 2. Mas não deixa de ser um resultado positivo", contou o piloto da Ipiranga Racing, que é apenas o quinto colocado na classificação dos pilotos na temporada, com 166.

Camilo ficou com um modesto 16º posto na corrida de encerramento do dia e viu de muito longe a disputa pelo lugar mais alto do pódio entre Barrichello e Ricardo Maurício. Ao contrário da primeira corrida, a contenda registrou um grande número de acidentes e interrupções, exigindo a presença do safety car em diversos momentos. No fim, a estratégia do piloto da Full Time Sports acabou prevalecendo.

"Fizemos uma de nossas melhores estratégias, passei nos boxes com uma parada perfeita e comemorei dentro do carro quando vi os rivais entrando na reta", relatou Barrichello, referindo-se a Maurício e Gabriel Casagrande, que se envolveram em uma disputa ferrenha pelo segundo lugar, sem conseguir incomodar tanto o ex-piloto de Fórmula 1.

A Stock Car volta daqui a duas semanas com a Corrida do Milhão, no Autódromo de Interlagos, em 25 de agosto.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.