Thorpe diz ser 'prematuro' avaliar sua volta às piscinas

Após decepcionar no fim de semana, o australiano Ian Thorpe disse nesta segunda-feira que ainda é cedo para fazer uma avaliação do seu retorno às piscinas. Dono de cinco títulos olímpicos, o nadador foi apenas o 10º colocado na prova dos 200 metros livre no Campeonato Italiano Absoluto de Inverno em sua primeira competição em piscina longa, de 50 metros.

AE, Agência Estado

19 de dezembro de 2011 | 08h54

"Estou de olho no meu tempo, se estou rápido. Observo, critico minha performance, mas não tenho controle sobre os demais competidores. Neste momento o desempenho dos outros não me preocupa, talvez mais tarde. Mas agora é muito prematuro [para se comparar aos demais]", afirmou o australiano.

Campeão olímpico em Atenas nos 200m livre, Thorpe ficou distante dos demais nadadores no fim de semana. Ele marcou 1min51s51, sete segundos acima do tempo vitorioso registrado pelo norte-americano Ryan Lochte (1min44s44) no Mundial, em Xangai. Com seu desempenho, Thorpe também ficou distante das marcas exigidas nas seletivas australianas para a Olimpíada de Londres.

"Estou treinando neste momento. Vim aqui para ter a oportunidade de enfrentar nadadores velozes. Foi importante ter competido, independentemente do resultado. Tenho que me manter neste nível", analisou o atleta de 29 anos, que encerrou sua aposentadoria precoce após ficar cinco afastado das piscinas.

De olho nos Jogos de Londres, em 2012, o australiano anunciou seu retorno à natação em fevereiro, e já havia participado das etapas de Cingapura, Pequim e Tóquio da Copa do Mundo de Natação em piscina curta. Mesmo longe de sua melhor forma, o dono de 11 títulos e 13 recordes mundiais buscará sua vaga na Olimpíada na seletiva australiana em março.

Tudo o que sabemos sobre:
nataçãoIan Thorpe

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.