Thomas J. Russo/ USA TODAY Sports
Thomas J. Russo/ USA TODAY Sports

Tiger Woods revela que teve medo de ter perna amputada após acidente de carro: 'Esteve muito perto'

Lenda do golfe ao poucos vai retornando aos treinos nove meses após o incidente; jogador de 45 anos afirma, porém, que não irá voltar às competições de forma integral

Redação, O Estado de S.Paulo

30 de novembro de 2021 | 09h48

Nove meses depois de sofrer um grave acidente de carro, a vida de Tiger Woods vai voltando ao normal. O golfista, considerado o melhor de todos os tempos, retornou sua rotina de treinos e está se sentindo melhor fisicamente. Mas não foi fácil. O atleta revelou que por pouco não teve a perna amputada no período em que esteve no hospital. 

“Houve um momento em que, eu não diria que era 50/50, mas estava muito perto de sair daquele hospital com uma perna só. Depois de [mantê-la], quis testar e ver se ainda tinha as minhas mãos. Então, mesmo no hospital, eu tinha a Erica (namorada) e Rob (amigo) me jogando alguma coisa. Eu pedia que me jogassem qualquer coisa”, disse em entrevista à revista Golf Digest

Mesmo obtendo progresso na recuperação, o golfista de 45 anos não acredita que voltará a competir como antes, disputando o tour de maneira completa. Antes do acidente, o atleta já havia passado pela quinta cirurgia nas costas, o que o fez perder a Olimpíada de Tóquio. 

"Eu acredito que algo realista é voltar a jogar o tour algum dia. Nunca em tempo integral, nunca mais. Mas escolher algum, como Bem Hogan (ex-golfista) fez. Escolher alguns eventos no ano e jogar. Você treina para isso e se prepara para isso. Eu acho que é assim que vou precisar jogar a partir de agora. É uma realidade lamentável, mas é a minha realidade. Eu entendo e aceito isso."

Tiger Woods sofreu um grave acidente de carro no dia 23 de fevereiro, enquanto dirigia por uma estrada nos arredores de Los Angeles. Segundo as autoridades, o atleta conduzia seu veículo a 140 km/h em uma via onde o limite de velocidade era de 72 km/h, se chocando violentamente contra uma árvore, capotando o carro. 

O golfista estava sozinho no veículo. Ele sofreu múltiplas fraturas e afirma que não se lembra do acidente. De acordo com o relatório da polícia, o acidente foi causado por excesso de velocidade. 

Tudo o que sabemos sobre:
Tiger Woodsgolfe

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.