Time decide o campeonato na região em que a sua torcida mais cresce

O São Paulo traça planos ambiciosos para o futuro. Um dos principais é cativar, até 2016, uma torcida tão grande quanto a do Flamengo e a do Corinthians. "Um empate técnico, é bem verdade", diz Julio Casares, vice-presidente de marketing do time do Morumbi. Para o dirigente, o Centro-Oeste é uma das chaves para o sucesso na complicada empreitada. Nesta região, a massa tricolor só perde em tamanho para a do time carioca. O Flamengo tem a maior torcida do País. Nenhuma novidade. Só não lidera o índice na Região Sul. Mas a popularidade são-paulina vem crescendo por conta da safra recente de títulos - o time é bicampeão brasileiro consecutivo e conquistou três Mundiais nos últimos 16 anos -, principalmente no Centro-Oeste, onde o clube decide o título nacional hoje. No Estado de Goiás, segundo a consultoria TNS, o São Paulo tem a segunda maior torcida (17,1%), apenas 6,6 pontos percentuais abaixo do principal time da casa, o próprio Goiás. No Distrito Federal, ainda fica longe dos cariocas Flamengo (31%) e Vasco (11%), mas mostra força (7%). Números que fazem com que o jogo de logo mais seja considerado essencial para a proliferação de são-paulinos na região. Tanto que o clube aproveitou a deixa para mais uma de suas ações de marketing: a inauguração da "embaixada" do São Paulo em Brasília, realizada ontem. O projeto já está em prática há alguns meses, mas a chegada do time ao Distrito Federal ocasionou solenidade oficial. "A embaixada já funciona a todo vapor", diz Sérgio Tawada, empresário que dirige a casa. "Fazemos ações sociais, reunimos torcedores nos dias de jogos e tentamos mostrar que é possível demonstrar amor pelo clube sem violência."É uma das tantas iniciativas de marketing que, desde 2006, tenta fidelizar cada vez mais o torcedor. Com a embaixada, muitos admiradores mirins serão declarados oficialmente seguidores por meio do "batismo tricolor". O clube tem a 2.ª torcida infantil do País (11%), atrás apenas do Flamengo (23%).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.