Tiro: Bastos acelera ritmo de preparação

Único representante brasileiro do tiro esportivo com vaga nos Jogos de Atenas, o paranaense Rodrigo Bastos vai começar a acelerar o ritmo da preparação para a Olimpíada. Rodrigo, que conseguiu a vaga com o vice-campeonato pan-americano na fossa olímpica, no ano passado, em São Domingos, estréia em Atenas no dia 14 de agosto e é um dos destaques da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Tiro ao Prato, que termina neste domingo, em Americana.?Não adianta começar a treinar com muita antecedência?, disse Rodrigo, que agora incluiu na agenda uma série de eventos nacionais e internacionais. ?A preparação precisa ser bem planejada, para que se possa chegar à Olimpíada no auge da forma.?Um centro de treinamento em Guarapuava, no Paraná, que será inaugurado no início de março, também vai ajudar Rodrigo. Até agosto, o atirador também participará de eventos no exterior, três deles em Atenas, incluindo o Pré-Olímpico, em abril.?Com isso, estou certo de que poderei chegar aos Jogos Olímpicos em condições de brigar por um bom resultado?, diz Rodrigo, que não está preocupado com os adversários que encontrará em Atenas. ?São quase todos da minha geração, já competi com eles. Acho que seu maior oponente é você mesmo, num esporte em que a concentração é fundamental. Por isso, prefiro não ver os outros atirarem.?Janice Teixeira, bronze na fossa olímpica no Pan-Americano, também participa da primeira etapa do Campeonato Brasileiro, em Americana. O objetivo é estar sempre em atividade para tentar obter a vaga no Pré-Olímpico de Atenas. No dia 22, viaja para a Copa do Mundo, na Austrália. ?O evento reunirá os melhores do mundo e um bom resultado pode significar muita coisa, inclusive um convite oficial da Federação Internacional para a Olimpíada. De qualquer forma, será uma ótima oportunidade para avaliar minha condição.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.