Tiro: Rodrigo "treina" na Copa Mundial

O paranaense Rodrigo Bastos, único atirador brasileiro classificado para Atenas (no tiro ao prato), está na etapa de Americana da Copa Mundial. A competição começa domingo, com a modalidade skeet - neste sábado haverá o treinamento oficial das equipes. O torneio, que termina no dia 6, reúne atiradores de 41 países e também terá disputas nas modalidades fossa olímpica e fossa dublê.Para Rodrigo, a competição servirá para avaliar os adversários e treinar para Atenas, já que considera o estande de tiro do Centro Esportivo de Americana semelhante ao da Grécia. "Quando conheci o estande dos Jogos, percebi que tem o fundo parecido com o de Americana. Vou dividir os treinos entre Guarapuava (PR) e São Paulo. Estou confiante e acho que posso ter boa atuação nos Jogos", afirma Rodrigo, de 36 anos, que vai para sua segunda Olimpíada - foi sétimo nos Jogos de Seul (1988).Medalha de prata na fossa olímpica nos Jogos Pan-Americanos de São Domingos, no ano passado, quando garantiu a classificação para a Grécia, Rodrigo Bastos está intensificando os treinos. "O esporte é feito de oportunidades. Quanto mais competir, maiores as chances de conquistar bons resultados."Além de competir em Americana, Rodrigo planeja disputar a Copa Beretta, na Itália, e a Copa Internacional, na Bolívia. "O maior problema é que em ano olímpico os eventos diminuem, dificultando a escolha."Entre as competições nacionais, o atirador disputará algumas etapas do Circuito Brasileiro de Tiro ao Prato e do Campeonato Brasileiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.