Tite terá de ser injusto para definir time

São 5 peças em bom momento para apenas 4 vagas: Douglas, Danilo, Jorge Henrique, Emerson e Romarinho

Fábio Hecico, O Estado de S.Paulo

27 de julho de 2012 | 03h06

O que Tite tanto temia vai acontecer no domingo, diante do Bahia. O treinador do Corinthians, que prega a justiça ao decidir a escalação, optando por quem está melhor, terá de ser injusto com um de seus jogadores do meio para a frente, já que são cinco peças em bom momento para apenas quatro vagas: Douglas, Danilo, Jorge Henrique, Emerson e Romarinho.

"É um baita pepino. Mas gosto de ter de escolher com todos em bom momento do que ao contrário. Vamos ver, pensar, no sábado (amanhã) defino quais serão os titulares", afirma o técnico, ciente de que terá de sacar da equipe alguém que não merece perder a vaga no momento.

"Vou fazer uma média dos últimos 10 jogos para tomar a melhor decisão", observa. Com esse raciocínio, Emerson, Jorge Henrique e Danilo sairiam em vantagem. Mas ele garante que Romarinho e Douglas também serão avaliados de forma coerente.

"Eles entraram muito bem na equipe. Douglas jogou muito diante de Flamengo e Portuguesa e saiu por causa de suspensão", observa. "E o Romarinho se adaptou muito rapidamente ao time, entrou e encaixou", diz.

Joga contra o atacante, porém, o fato de ele ser o mais novo de grupo, em idade e também com menos jogos com a camisa corintiana. / FÁBIO HECICO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.