Montagem/Estadão
Montagem/Estadão

Tóquio recomenda inclusão de surfe e skate na Olimpíada de 2020

Beisebol, softebol e caratê também recebem indicações

REUTERS

28 de setembro de 2015 | 09h38

Os organizadores dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 recomendaram a inclusão de cinco esportes na competição, incluindo skate e surfe, de acordo com comunicado divulgado nesta segunda-feira.

Beisebol, softebol e caratê também receberam indicações, numa proposta que criaria um total de 18 novos eventos com medalha, divididos entre homens e mulheres e disputados por 474 atletas que seriam incorporados aos Jogos.

"Este pacote de eventos representa tanto os tradicionais como os em ascensão, eventos voltados para a juventude, todos populares no Japão e internacionalmente", disseram os organizadores de Tóquio, em um comunicado.

"Eles irão servir como uma força motriz para promover o Movimento Olímpico e seus valores, com um foco no apelo à juventude, e irão adicionar valor aos Jogos, envolvendo a população japonesa e novas audiências em todo o mundo, e refletindo a visão de Tóquio para os Jogos de 2020".

Sob as novas regras, as cidades-sede das Olimpíadas podem escolher esportes que desejam incluir nos Jogos, os quais seriam acrescentados aos 28 esportes centrais existentes. A decisão final cabe ao Comitê Olímpico Internacional (COI), que irá votar as recomendações de 2020 em agosto do ano que vem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.