Toyota

Desde a estreia da equipe na Fórmula 1, em 2002, nunca as perspectivas de disputar um bom campeonato foram tão positivas como desta vez. O projeto do modelo TF109, coordenado pelo francês Pascal Vasselon, demonstrou nos testes de pré-temporada estar quase no mesmo nível do F60 da Ferrari, que até o surgimento do fenômeno Brawn GP era considerado o carro de desempenho um pouco acima da concorrência."Sinto a Toyota muito bem preparada. Realizamos com sucesso simulações de treinos classificatórios e corridas, sempre com resultados convincentes, como não havíamos experimentado", disse Jarno Trulli, na Toyota desde 2005. Vasselon ousou na concepção aerodinâmica do TF109 e até agora há quem questione a legalidade de seu assoalho, para alguns uma das razões da boa performance.A Toyota necessita mesmo de melhores resultados, para que os japoneses, de uma hora para outra, não repensem se vale a pena permanecer na Fórmula 1, como fez a antiga Honda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.