Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Treinador reclama da atitude de Valdivia

O Palmeiras venceu bem, chegou mais perto da liderança, mas nem tudo foi festa após os três pontos conquistados sobre o Flamengo. Substituído no segundo tempo, Valdivia correu para o vestiário com cara de poucos amigos. Vanderlei Luxemburgo não gostou nada da atitude do chileno."Ele criou uma situação desnecessária", reclamou. "Se ele foi para o vestiário é problema dele. Se ele quiser sair do clube, é problema dele", continuou o técnico. "Eu quero caminhar para conquistar o título. E acho que ele também quer."Luxemburgo, diretoria e torcida sabem que Valdivia não vem rendendo o mesmo que no Campeonato Paulista. O treinador só esperava que o atleta não desprezasse os companheiros ao ser substituído. "Ele tem de ser mais amigo, parceiro", disparou. "Se ele não se sente mais à vontade aqui, que ele procure outro clube. Não gostei como ele saiu. Aqui tem comando."Apesar de ter ofuscado um pouco o brilho da vitória palmeirense, Valdivia não tirou a satisfação de Luxemburgo pelo fato de o time ter encostado na ponta da classificação. O técnico e os jogadores comemoraram muito o triunfo de ontem. "A gente sabia que tinha de ganhar esse jogo contra o Flamengo. Ganhamos e encostamos lá na frente", disse o atacante Kléber. "O Palmeiras vem crescendo. A tendência agora é crescer mais e buscar a liderança", disse.Além dos três pontos e do bom desempenho, os jogadores e a torcida festejam o fato de a equipe ter passado os 90 minutos sem levar gol - o que não aconteceu nas últimas sete rodadas.Ninguém escondia que o setor defensivo era o principal problema da equipe. Culpa, principalmente, da falta de entrosamento entre os jogadores. Ontem, Vanderlei Luxemburgo manteve Jumar e Sandro Silva como volantes, e Jéci e Gladstone na zaga. Os quatro deram conta do recado. "Todos foram muito bem lá atrás", reconheceu o goleiro Marcos.Sandro Silva fez ontem seu primeiro gol com a camisa alviverde. "Subi bem no ataque e marquei", vibrou o volante, muito cumprimentado pelos colegas.

O Estadao de S.Paulo

31 de julho de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.