Três times vivem na corda bamba do rebaixamento

É crítica a situação de três clubes na Série A do Campeonato Brasileiro. De acordo com o matemático Tristão Garcia, Vasco, Ipatinga e Atlético-PR estão muito próximos do rebaixamento. O clube carioca teria hoje 83% de possibilidade de cair. O mineiro, 82%, e o Atlético-PR, 74%.Com a vitória sobre o Grêmio por 2 a 0, domingo, no Canindé, a Portuguesa deixou a zona do descenso, mas ainda corre sério risco de integrar a Série B em 2009 (46%). Estaria em situação menos desconfortável que o Fluminense, com 49% de probabilidade de queda, segundo Tristão Garcia, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).A esses cinco clubes se juntaria o Naútico (39%). O time pernambucano tem 31 pontos, assim como Fluminense e Portuguesa, mas estaria livre do rebaixamento, ao lado da Lusa, por ter mais vitórias que o Tricolor carioca, o 17.º da competição nacional.Na seqüência, os que ainda podem trocar de série ano que vem são Figueirense (19%), Santos e Atlético-MG. Estes dois tendem a se livrar da degola. De acordo com Garcia, após a vitória sobre o Botafogo, no Engenhão, o Santos ficou com apenas 5% de possibilidade de ser rebaixado.Já o Atlético-MG, com 3%, é, entre os ameaçados, o único que pode se dar ao luxo de se garantir na Série A com somente mais três vitórias nos oito jogos restantes. O Alvinegro mineiro tem 37 pontos e ocupa a 12.ª posição. Está logo atrás do Sport, que, com 41 pontos, está livre do risco de disputar a Série B do Brasileiro em 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.