AP
AP

Ídolo do Philadelphia 76ers, Moses Malone morre aos 60 anos

Atleta foi MVP da NBA em três oportunidades

Estadão Conteúdo

13 de setembro de 2015 | 12h37

Três vezes eleito o MVP da temporada regular da NBA (1979, 1982 e 1983), o ex-pivô norte-americano Moses Malone, ídolo do Philadelphia 76ers faleceu neste domingo, de ataque cardíaco, enquanto dormia. Escolhido no draft de 1973, ele jogou na principal liga de basquete do mundo até 1995, quando encerrou a carreira pelo San Antonio Spurs.

"É com profunda tristeza que a família Sixers lamenta a perda repentina de Moses Malone. É difícil expressar o que sua contribuição para essa organização - tanto como jogador quanto como amigo - significa para nós, para a cidade de Filadélfia e para seus fãs. Moses ocupa um lugar especial no nosso coração e será para sempre lembrado como um ícone e um pilar da mais célebre era da história do basquete do Philadelphia 76ers", escreveu a franquia pela qual Moses foi campeão da NBA em 1983, como MVP das finais.

O ex-pivô defendeu diversas outras equipes, como Houston Rockets, Atlanta Hawks e Milwaukee Bucks, sendo eleito para All-Star Game em 12 ocasiões. Em seis temporadas, liderou em rebotes, sendo cinco delas consecutivas: 1981 a 1985. Em 1996, foi escolhido um dos 50 melhores de todos os tempos na NBA. Até hoje, é o quinto atleta com mais rebotes na liga e o 15.º em minutos jogados.

Tudo o que sabemos sobre:
NBAbasqueteMoses Malone

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.