Triatleta mineiro morre durante treino

O triatleta mineiro Thiago Machado dos Santos, de 29 anos, morreu nesta sexta-feira, em Juiz de Fora (MG), quando iniciava seu treinamento. Ele foi vítima deum infarto no miocárdio, por volta das 11 horas, ao final de uma corrida na região do bairro Bosque Imperial, na parte altada cidade, onde costumava treinar com freqüência. Amigos do triatleta revelaram que Thiago, na última semana, havia desmaiado, por duas vezes, durante os treinamentos. Mesmo assim, não procurou ajuda médica e considerou os desmaios ?normais?. Mas, de acordo com Carlos Eugênio Ferraro, técnico do atleta há mais de cinco anos, Thiago descobriu em 2003 que tinha arritmia cardíaca. ?Mas ele era muito tranqüilo e não procurava médicos especialistas. Não sabia se alimentar bem, nem queria tomar remédios, não queria saber de tomar suplementos alimentares. Era teimoso?, contou o treinadorA rotina diária do atleta começava por volta de 7h30. Thiago corria 25 quilômetros. Por volta das 11 horas, caía na piscina, para nadar 7 mil metros. E na parte da tarde, pedalava cerca de 80 quilômetros, pela BR-040.Mas, na manhã desta sexta-feira, durante a corrida no Bosque Imperial, antes da natação, Thiago começou a sentir-se mal esentou-se. De acordo com um caseiro que trabalha na região, o atleta ficou ofegante e caiu. "Nesse momento, cheguei até ele e ofereci ajuda. Porém, ele já não respondia. Foi então que decidi chamar o socorro", explicou Antônio Marcos de Oliveira, que costumava ver o atleta treinar, diariamente, no local.O socorro chegou rápido, mas Thiago morreu antes mesmo de ser transferido para o hospital. O enterro do atleta acontece namanhã deste sábado, no cemitério Parque da Saudade, em Juiz de Fora. Thiago começou a pedalar e a nadar com seis anos. Oatleta foi campeão mineiro e bicampeão brasileiro de Mountain Bike, na modalidade júnior. O triatlo só foi aparecer na sua vida em 1997. De lá para cá, conquistou vários títulos, chegando a ser considerado um dos cinco melhores atletas do País em sua modalidade. No ano passado, foi vice-campeão sul-americano, além de quarto colocado no Brasileiro. Neste ano, foi o terceiro melhor brasileiro colocado no Grand Triatlon, disputado no México, e chegou em terceiro lugar no Troféu Brasil, no mês passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.