David Becker/AP
David Becker/AP

UFC adia luta entre Weidman e Lyoto Machida para julho, no meio da Copa

Lesão nos joelhos do americano é o motivo para decisão dos organizadores

O Estado de S. Paulo

24 de março de 2014 | 20h55

SÃO PAULO - O UFC anunciou nesta segunda-feira que a esperada luta entre o atual campeão dos pesos-médios, Chris Weidman contra o brasileiro Lyoto Machifa será adiada. Inicialmente prevista para o UFC 173, que acontece no dia 24 de maio em Las Vegas, o combate passa ser no UFC 175, que acontecerá em 5 de julho, na mesma cidade.

O problema é que a luta irá acabar acontecendo no mesmo dia de uma das semifinais da Copa do Mundo, em partida na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O motivo para a mudança é uma lesão em ambos os joelhos que o americano sofreu durante os treinamentos. Segundo comunicado, o atleta passará por um procedimento simples e em alguns meses já estará novamente pronto para entrar no octágono. Serpa a segunda defesa de cinturão da carreira de Weidman

Agora os organizadores devem anunciar uma nova luta principal para o evento que ocorre em 24 de maio. A novidade deve ser anunciada nos próximos dias.

Tudo o que sabemos sobre:
UFCChris WeidmanLyoto Machida

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.