Uma sabrista para Atenas-2004

Élora Ugo Páttaro tem apenas 15 anos de idade, mas já é campeã pan-americana adulta de sabre, título que conquistou no mês passado, em Porto Alegre. Persistente, detalhista, como a garota mesma se define, vai treinando na média de três horas por dia - e forte, tanto a parte física como a técnica -, simplesmente porque gosta do esporte e também - "muito" - de seus dois técnicos bielo-russos Alkhas Lakerbai e Serguei Kovaliev, com quem trabalha na Federação Paulista de Esgrima. A Olimpíada de Sydney/2004, quando o sabre feminino será disputado pela primeira vez, é um sonho, não um objetivo. Pelo menos por enquanto.Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.