Uma vitória amarga do Atlético de Madrid

O atual campeão bateu o Rubin Kazan por 1 a 0 em Moscou, mas mesmo assim acabou sendo eliminado

MOSCOU, O Estado de S.Paulo

22 de fevereiro de 2013 | 02h08

Campeão do torneio duas vezes nos últimos três anos, desta vez o Atlético de Madrid caiu cedo. A derrota em casa por 2 a 0 no jogo de ida pesou muito, e a vitória conseguida ontem por 1 a 0 - gol de Falcao Garcia - não serviu para nada. "Atacamos os 90 minutos, mas infelizmente não conseguimos o resultado de que precisávamos", disse o técnico Diego Simeone.

O Tottenham, que em casa havia batido o Lyon por 2 a 1 com um gol nos acréscimos, ontem arrancou a vaga com um gol de Dembélé aos 45 minutos do segundo tempo que garantiu o empate salvador por 1 a 1.

O Chelsea também se classificou no sufoco. Perdia em casa para o Sparta Praga até 0s 47 do segundo tempo, resultado que levaria o jogo para a prorrogação, quando o meia belga Hazard fez um golaço.

Os próximos confrontos: Tottenham x Inter, Lazio x Stuttgart, Newcastle x Anzhi, Basel x Zenit, Rubin Kazan x Levante, Viktoria Plzen x Fenerbahce, Benfica x Bordeaux e Chelsea x Steaua Bucareste.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.