Uruguai quer evitar sufoco da estreia

O Uruguai pode garantir praticamente sua classificação às quartas de final se vencer Senegal, às 13h, em Londres. Parece simples, mas as dificuldades que os atuais campeões da América encontraram no primeiro tempo da vitória por 2 a 1 sobre Emirados Árabes apontam o equilíbrio entre os times do Grupo A.

O Estado de S.Paulo

29 de julho de 2012 | 03h08

"A primeira partida mostrou que o torneio olímpico não será um passeio. Precisamos da agressividade do segundo tempo para garantir a segunda vitória", receitou o técnico Oscar Tabárez.

Para evitar surpresas, os uruguaios necessitam que sua temida dupla de ataque - Cavani e Suárez - seja mais produtiva. Bem marcados, não conseguiram criar muitas oportunidades.

Diante dos Emirados Árabes, no estádio Wembley, a Grã-Bretanha precisa da vitória para evitar a frustração dos anfitriões. "Jogamos por uma vitória nas duas partidas que restam para garantir a classificação. Melhor que seja já na segunda rodada", planeja o veterano Ryan Giggs, capitão do time.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.