''Vamos estar melhor que o Palmeiras'', diz Madson

Treinar e dormir mais para correr em dobro, sábado, no Palestra Itália, além de torcer pela vitória do Sport contra o Palmeiras hoje à noite. É essa a programação do baixinho Madson para a semana livre, enquanto os palmeirenses têm importante confronto com o time pernambucano pela Libertadores. O meia-atacante acredita que o Santos chegará em melhor condição para confirmar a classificação à final do Campeonato Paulista diante de um adversário desgastado fisicamente e, talvez, abalado emocionalmente. "Entre aspas, vamos entrar em campo classificados. Além de a vantagem agora ser do Santos, o resultado do jogo de amanhã (hoje) terá influência psicológica no time do Palmeiras porque, em caso de derrota, será a segunda seguida. Além do desgaste que o jogo vai provocar, diminuirá a confiança dos jogadores. Por isso, vou torcer pelo Sport", avisou Madson. "Se bem que, ganhando ou perdendo, o Palmeiras vai com tudo para cima do Santos, porque não tem outra saída."A confiança de Madson só desaparece ao responder sobre os pontos fortes do Palmeiras. Ele sugere que Diego Souza, Keirrison e até Cleiton Xavier, que não vai jogar porque está suspenso, sejam anulados. "De que forma? Não vou revelar. Vocês vão ver na hora. Só sei que vamos jogar de igual para igual, 100% ligados nos 90 minutos."Com a preocupação de não ficar mal com nenhum companheiro, Madson desconversa ao responder sobre quem são os melhores jogadores do Santos. "O melhor jogador do Santos somos todos nós, o conjunto. Quando entrarmos em campo no Parque Antártica não vamos tremer com o estádio lotado por torcedores palmeirenses. Vamos olhar um para o outro e nos unir mais ainda."ANIVERSÁRIO DE ROUPA NOVAVárias atividades celebraram ontem o 97º aniversário de fundação do Santos. Houve desde o hasteamento da bandeira do clube na Vila Belmiro até a apresentação do novo uniforme do time, a ser estreado no sábado. A mudança mais marcante foi a troca do dourado pelo prateado na gola, em volta dos números e nas laterais da camisa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.