Vasco defende liderança em Brasília e Lusa tenta reagir

O Vasco chegou à liderança da Série B no sábado, na última rodada do primeiro turno. Agora, defende a condição de favorito ao título da divisão de acesso, na visita que faz ao Brasiliense, no Distrito Federal, às 21 horas. O empate já é suficiente para a manutenção do 1º lugar par ao time de Dorival Júnior, mas tropeço pode recolocar na ponta o Atlético-GO, que recebe o América-RN, às 21h50, em Goiânia. A rodada também promete uma boa disputa pela 3ª colocação. O Guarani (34 pontos) defende a posição contra o Fortaleza, em Campinas. Já o Ceará (33) precisa vencer o Juventude, em casa, e ainda torcer por derrapada do Guarani.As disputas por colocações principais não param por aí. De olho no G-4 e com uma empolgante reação, o São Caetano (30) tenta a sétima vitória consecutiva - contra o Bragantino, no ABC. Precisa fazer sua parte e esperar por derrota do Ceará. A Ponte Preta (30) é outra que joga pensando alto, no desafio contra o ABC, em Natal. Figueirense e Bragantino, que jogam fora de casa, lutam para se manter próximos do G-4, já que somam 29 pontos. Situação parecida com a da Portuguesa, 28 pontos e que acumula sequência de resultados negativos (4 derrotas e 1 empate nos últimos cinco jogos). O time do técnico René Simões joga em casa, diante do Vila Nova. A Portuguesa conta com o retorno de uma dúzia de jogadores que estavam fora de ação. Podem ser utilizados os zagueiros Bruno Rodrigo e Thiago Gomes, os volantes Ygor e Acleisson, o meia Preto e o atacante Edno, que cumpriram suspensão. Além deles, os zagueiros Ediglê e Preto Costa, o volante Erick, o meia Marco Antonio e o atacante Christian, recuperados de lesão. E ainda o atacante Zé Carlos, que teve a documentação liberada e pode pelo menos ficar no banco.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.