Velejadores se preparam para disputar vagas em Pequim

Seletiva Brasil de Vela começa a ser disputada neste sábado; 60 barcos devem participar do evento

07 de fevereiro de 2008 | 18h59

Dezenas de velejadores fazem nesta sexta-feira os últimos ajustes para a disputa da Seletiva Brasil de Vela de 2008, competição que vale vaga na Olimpíada de Pequim, começa oficialmente sábado e termina no dia 15. A partir das 14 horas, todos os inscritos na competição vão disputar a regata-treino, em raias do lado de fora da Baía de Guanabara, e medir os barcos. Além disso, os tripulantes da classe Star serão pesados. Segundo a Confederação Brasileira de Vela e Motor (CBVM), cerca de 60 barcos participarão do evento, que indicará os representantes nas classes Star, Finn, 470 (feminino) e RS:X (masculino e feminino). Somente o velejador da classe Laser Standard se classificará em eliminatória separada, realizada de 22 a 29 de fevereiro. A vela é o esporte que mais medalhas olímpicas deu ao País na história: 14 no total - seis de ouro, duas de prata e seis de bronze. "Formaremos uma equipe olímpica forte, para certamente tentar manter a tradição vencedora do esporte", declarou o coordenador técnico da CBVM, Walter Böddener. A expectativa é de equilíbrio na grande maioria das classes. Até mesmo na Star, na qual os campeões mundiais Robert Scheidt e Bruno Prada são atração, a previsão é de muita disputa. "Chegou finalmente o momento de lutar pela vaga em uma nova classe. Quero usar minha experiência olímpica e a vontade do Bruno para fazermos um bom campeonato", disse Scheidt, bicampeão olímpico no Laser (Atlanta/96 e Atenas/2004). A programação prevê 14 regatas, com dois descartes a partir da 11.ª, sempre a partir do meio-dia. Estão previstas duas regatas por dia, mas, se as condições permitirem, é possível realizar uma prova a mais para adiantar o programa. Duas classes já têm representantes definidos para o torneio de vela de Qingdao, que fica a 900 quilômetros de Pequim: 49er - André Fonseca e Rodrigo Duarte, classificados no Campeonato Mundial de Sorrento, e 470 - Fabio Pillar e Samuel Albrecht, garantidos no Mundial de Port Phillips, ambos na Austrália, em janeiro.

Tudo o que sabemos sobre:
VelaPequim 2008

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.