Velocista canadense morre afogado em intervalo de treinos

Acidente aconteceu no Caribe: Daundre Barnaby tinha 24 anos

Estadão Conteúdo

28 Março 2015 | 13h13

Representante do Canadá na prova de 400 metros do atletismo nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, o velocista Daundre Barnaby, de 24 anos, morreu afogado nesta sexta-feira, em São Cristóvão e Nevis, no Caribe, durante um intervalo de treinos da seleção canadense de atletismo.

"É uma triste e profunda perda. Daundre era um atleta fora de série e um jovem ainda melhor", lamentou Rob Guy, chefe executivo da Federação Canadense de Atletismo, prestando condolências à família e aos companheiros do velocista. "Vamos fazer tudo que for necessário para ajudar sua família nesta tragédia", garantiu.

O velocista estava nadando com seus colegas quando desapareceu por volta das 11h desta sexta. De acordo com os relatos, uma onda forte o engoliu. Seus colegas tentaram salvá-lo, sem sucesso. O corpo de Daundre só foi localizado cerca de quatro horas e meia depois.

Daundre nasceu na Jamaica, mas se tornou cidadão canadense em 2012 para participar dos Jogos Olímpicos daquele ano. O velocista, porém, não avançou da primeira eliminatória dos 400m. No ano passado, fora o 75.º do ranking mundial da prova. Ele treinava para o Mundial de Revezamentos, que vai acontecer nas Bahamas, também no Caribe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.