Andreza Galdeano/ Estadão
Andreza Galdeano/ Estadão

Veterano, Willian Cardoso comenta estratégia para ganhar pontos no ranking mundial

Aos 34 anos, surfista catarinense garante ter condições para brigar com os melhores

Andreza Galdeano, enviada especial a Fernando de Noronha, O Estado de S.Paulo

14 de fevereiro de 2020 | 09h39

Aos 34 anos, Willian Cardoso disputa o Oi Hang Loose Pro Contest em Fernando de Noronha após ter batido na trave no ano passado e ficado fora da elite em 2020.  O surfista, que tem o apelido de Panda, diz estar mais tranquilo nesta temporada e garante ter condições de brigar com os melhores rivais.  Ele usará o evento para ganhar pontos no ranking mundial.

 "Estou tranquilo e tentando fazer o meu melhor. Procuro ser o mais constante possível nos campeonatos que eu tenho participado e acredito que essa é a grande chave para retornar à elite", conta o surfista em entrevista ao Estado.

Apesar de almejar o título, Willian diz que levantar o troféu pode ser consequência da sua estratégia para ganhar pontos. "A vitória vai ser importante durante o ano em algum evento, mas acho que permanecer mais constante e mantendo bons resultados ao longo do ano vai fazer a diferença no final".

Na lista de veteranos, ele afirma que competir com atletas mais novos "ajuda e motiva". "A minha experiência me mantém mais tranquilo e ao mesmo também me instiga bastante. A força de vontade dos mais novos acaba elevando o nível e a gente tenta sempre se superar para fazer uma melhor apresentação", explica.

O catarinense era um dos surfistas escalados para realizar a sua bateria no terceiro dia da competição, mas um temporal em Fernando de Noronha mudou os planos do atleta que vai entrar em cena nesta sexta-feira.

"Agora o mar estará um pouco diferente com a maré mais cheia. Provavelmente terão mais manobras. Agora é mais um dia, mais uma bateria, e vamos ver o que vai acontecer", comenta. Na bateria de Willian estará o americano Jake Marshall e os brasileiros Edgard Groggia e Robson Santos.

* A repórter viajou a convite da organização do torneio

Tudo o que sabemos sobre:
surfeWillian Cardoso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.