Vítimas são indenizadas por programa de doping

157 pessoas receberão indenizações que somam 9 milhões de euros do Comitê Olímpico Alemão

11 de outubro de 2007 | 15h26

As vítimas do programa de doping da extinta Alemanha Oriental receberam um total de 2,9 milhões de euros de indenização, divididos entre 157 pessoas, de acordo com informações da imprensa alemã, nesta quinta-feira.   "Era importante para nós que o esporte alemão assumisse sua responsabilidade moral", disse Michael Vesper, diretor geral do Comitê Olímpico Alemão. Além da quantia, será criado um fundo especial de ajuda, especialmente para as vítimas em situação mais delicada.   O acordo para o pagamento destas indenizações foi acertado no início do ano, entre o grupo das vítimas e o Comitê Olímpico Alemão. Por ser o sucessor do Comitê Olímpico da Alemanha Oriental, o organismo alemão assumiu a responsabilidade moral pelos danos causados às vítimas. Em troca do acordo, o grupo decidiu retirar todas as queixas.

Tudo o que sabemos sobre:
DopingAlemanha Oriental

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.