Vitória por pontos não desanima Popó

Pela primeira vez na carreira profissional, o pugilista Acelino "Popó" Freitas não conseguiu nocautear o adversário. E o ganês Alfred Kotey manteve a fama de nunca ter sido nocauteado (24 vitórias, 15 por nocaute e 8 derrotas e um empate). Popó, campeão dos superpenas pela Organização Mundial de Boxe (OMB), comemorou a 30.ª vitória ao derrotar Kotey, de 33 anos, por pontos, após o décimo assalto, em combate pela categoria leve, sem defesa de título, sábado, em Miami, nos Estados Unidos. "Não importa que ele não caiu. O importante é a vitória, porque me preparei para 12 assaltos", declarou.Leia mais no O Estado de S. Paulo

Agencia Estado,

01 de outubro de 2001 | 10h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.