Vôlei: Minuzzi vive drama na carreira

A Seleção Brasileira Masculina de Vôlei terá mais um desfalque nesta Liga Mundial. O atacante Roberto Minuzzi, uma das promessas para o ciclo olímpico, está com um problema na aorta. Existe a possibilidade de o jogador, de 23 anos, passar por cirurgia. A Confederação Brasileira da modalidade dará hoje uma coletiva no Rio de Janeiro para explicar os procedimentos médicos que serão tomados.Segundo Álvaro Chamecki, médico da Seleção Brasileira, o problema foi detectado durante os exames de rotina que são realizados assim que os atletas se apresentam. "Não posso adiantar nada além disso. O Roberto não está em Saquarema (no centro de treinamento das Seleções de vôlei), deve estar justamente cuidando desse problema", disse Chamecki, que esteve com o time em Caracas, na primeira etapa da Liga Mundial, mas ontem estava em Curitiba.Ontem Minuzzi estava em Belo Horizonte, onde atua pelo Telemig/Minas. O atleta esteve acompanhado gerente de medicina do Minas Tênis, Carlos Antônio Ferreira Pereira.Quando atendeu o telefone, o médico mostrou-se bastante irritado. "Não vou dizer nada, só amanhã (hoje), vocês saberão o que está acontecendo. O problema foi detectado nos exames do clube e da CBV. Eu também estarei lá para esclarecer as dúvidas sobre os procedimentos médicos", esbravejou.Quando questionado sobre o estado emocional do jogador, Carlos respondeu apenas: "Ele está tranqüilo, nada de anormal."Durante a Superliga, que acabou em abril, Roberto teve outro problema. Dores na região lombar o tiraram de várias partidas.Com a saída de Nalbert e Giovane, Minuzzi, um gigante de 2,05m, é uma das apostas de Bernardinho rumo aos Jogos Olímpicos de Pequim/2008. "O Roberto é um moleque que tem muito potencial e se continuar dessa forma tem muito a oferecer à Seleção", disse Nalbert, que disputou a final da Superliga pelo Banespa, adversário dos mineiros.O atacante estreou na Seleção na Liga Mundial de 2003, contra a Alemanha, no Ibirapuera, mas não foi à Olimpíada de Atenas. Segundo Nalbert, pelas características técnicas, Minuzzi seria o jogador perfeito para substituir Giovane.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.