Wada reforça controle antidoping

A Agência Mundial Antidoping, conhecida pela sigla Wada, aprovou a proposta de acelerar a realização de controles por exames de sangue fora de competição para detectar a presença do hormônio eritropoietina (EPO). "Nem todas as confederações têm capacidade para fazer esses exames. Será necessária uma evolução, mas as que puderem terão de ir adotando os controles", afirmou Dick Pound, presidente da WADA. A Agência também divulgou a lista de produtos proibidos, que entra em vigor em setembro e reforça especialmente os controles para os tratamentos anti-asmáticos durante os Jogos Olímpicos.

Agencia Estado,

01 de junho de 2001 | 18h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.