Yane Marques fica só em 14º na Super Final da Copa do Mundo de pentatlo moderno

A brasileira Yane Marques não foi bem na Super Final da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno, principal evento do calendário até aqui em 2016. Apesar da boa participação nas primeiras fases da disputa em Sarasota (EUA), ela viu seu desempenho despencar na prova combinada e encerrou apenas no 14.º lugar.

Estadão Conteúdo

06 de maio de 2016 | 19h03

Yane abriu o dia em 16.º na esgrima e se recuperou ficando em sétimo na natação e em quarto no hipismo. Ela chegou para o combinado de tiro e corrida em terceiro, mas foi perdendo posições até terminar em 14.º. Considerando apenas essa última prova da competição de pentatlo, foi 24.ª.

A Copa do Mundo de Pentatlo Moderno é composta por quatro etapas, além da Super Final, que reúne as 36 melhores da temporada. Yane não ganhou nenhuma medalha. Foi 21.º no Cairo (Egito), nona colocada no Rio e quinta em Roma (Itália). Depois, não participou da etapa de Kecskemét, na Hungria.

Apesar disso, ela é quarta do ranking mundial. A melhor do mundo, hoje, é Lena Schoneborn, da Alemanha, que ganhou dois ouros e duas pratas em quatro etapas. A segunda do ranking é Zsofia Foldhazi, da Hungria, que ficou no Top 4 de todas as provas do ano. Em terceiro aparece Laura Asadauskaite, da Lituânia, atual campeã olímpica e vencedora em Roma. Elas repetiram essa ordem em Sarasota e são as três favoritas ao pódio no Rio-2016.

Tudo o que sabemos sobre:
Yane MarquesTriatlo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.