Irmãos Hypolito ganham medalhas na Copa do Mundo

Alegre pela conquista da medalha de prata conquistada no solo, na etapa de Portugal, da Copa do Mundo de Ginástica, o aniversariante do dia Diego Hypolito, que completa 24 anos neste sábado, ainda recebeu outro grande presente: viu a sua irmã Daniele alcançar o ouro no salto e bronze nas paralelas assimétricas, além de ter garantido vaga na final dos quatro aparelhos.

AE, Agência Estado

19 de junho de 2010 | 16h13

O ginasta brasileiro somou 15,325 no solo, perdendo o ouro para o atleta da Romênia Flavius Koczi, que fez 15,400. Com o bronze ficou o mexicano Santiago Lopez, com 14,625. Sua irmã Daniele fez 13,962 no salto, em segundo ficou a vietnamita Tchi há Phan, que fez 13,762 e, em terceiro lugar, Jessica Lopez, da Venezuela, com 13,562.

Sérgio Eras foi o outro brasileiro a se classificar para a final com um bom resultado nas argolas - sétimo lugar, com 14,775. O chinês Yibing Chen ficou com a medalha de ouro neste aparelho, com 15,575.

No domingo, Diego Hypolito disputa a final do salto e Daniele buscará medalhas no solo e na trave. "Estamos torcendo por todos e confiantes de que vamos conseguir mais medalhas", disse a presidente da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), Luciene Resende.

Já o ginasta Mosiah Rodrigues teve boa participação e ficou em nono lugar nos dois aparelhos em que disputou: cavalo com alças e na barra fixa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.