Rafael Bello/COB
Rafael Bello/COB

500 dias: Time Brasil na contagem regressiva para os Jogos de Tóquio

Comitê Olímpico do Brasil tem a expectativa de levar uma delegação de aproximadamente 250 atletas para o Japão

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

12 de março de 2019 | 04h40

O esporte olímpico celebra nesta terça-feira o marco de 500 dias para os Jogos de Tóquio. Para festejar o momento, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) vai inaugurar uma escultura na Marina da Glória, no Rio, para iniciar a contagem regressiva para o grande evento esportivo do planeta. Esse letreiro gigante servirá para os fãs tirarem fotos e incentivarem o Time Brasil.

Até o momento, o Brasil tem 23 atletas já classificados para os Jogos de Tóquio, sendo 18 da seleção feminina de futebol, que carimbou o passaporte ao vencer a Copa América, e cinco atletas da vela, nas classes Laser (masculina), 49erFX (dupla feminina) e Nacra17 (dupla mista) - os velejadores ainda serão definidos. A expectativa do COB é ter uma delegação de aproximadamente 250 atletas.

 

A instalação #SOMOS TIME BRASIL tem mais de cinco metros de largura e dois metros de altura. Estará nas corer verde, amarelo e azul e servirá como uma campanha de incentivo para os atletas nacionais. Além da Marina da Glória, simultaneamente o letreiro ficará exibido no Bangu Shopping e posteriormente rodará outros pontos emblemáticos do Rio de Janeiro.

"Queremos dividir com a população a comemoração ao marco de 500 dias para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Estamos também criando uma oportunidade de engajamento da torcida brasileira por nossos atletas com a marca Time Brasil", explicou a diretora de Comunicação e Marketing do COB, Manoela Penna.

Vão participar do evento desta terça-feira o vice-presidente do COB, Marco La Porta, o diretor-geral da entidade, Rogério Sampaio, e os campeões olímpicos Torben Grael (vela), Jackie Silva (vôlei de praia) e Giovane Gávio (vôlei). Além deles, outros grandes destaques estarão presentes, como Robson Caetano (atletismo), medalha de bronze em Seul 88 e Atlanta 96, Ana Marcela Cunha (maratona aquática), tetracampeã do Circuito Mundial e Marcelinho Machado (basquete), tricampeão pan-americano. Da nova geração estarão Guilherme Costa (natação) e Gabriela Nicolino (vela).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.