Divulgação
Divulgação

A partir de sábado, evento-teste do atletismo terá 406 atletas

Campeonato contará com participação de atletas de 26 países

Estadão Conteúdo

11 de maio de 2016 | 15h04

Evento-teste do Estádio Olímpico do Rio, o Engenhão, o Campeonato Ibero-Americano de Atletismo começa no próximo sábado com a participação de 406 atletas, de 26 países. Além de Brasil, Espanha, Portugal, dos países da América espanhola e da África lusófona, que usualmente disputam essa competição, também se inscreveram Arábia Saudita (com nove atletas), EUA (cinco), Austrália e Bulgária (um cada).

A maior delegação será do Brasil, com 98 atletas, ante 81 na edição passada do Ibero, em 2014, em São Paulo. Entre os destaques estão Fabiana Murer, Duda, Erica Rocha de Sena e Rosângela Santos.

Os principais atletas da América do Sul, entretanto, não estarão no evento. A Colômbia deixou de fora a saltadora Caterine Ibargüen, melhor do mundo no salto triplo. Yulimar Rojas, da Venezuela, terceira melhor do ciclo olímpico nesta prova, também não vem.

A lista de inscritos mostra a Argentina liderada por German Chiaraviglio, prata no Pan de Toronto, no salto com vara. Ele terá como rival João Gabriel Santos e Augusto Dutra. Thiago Braz não foi convocado pelo Brasil.

Entre os atletas estrangeiros que podem brilhar no Rio-2016, destaque ainda para o dominicano Luguelín Santos, prata em Londres nos 400m, e a equatoriana Angela Tenorio, única mulher sul-americana a correr os 100m abaixo de 11 segundos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.