Aguero dedica gols à noiva, filha de Maradona

Jogador argentino, que marcou dois gols na vitória contra o Brasil, disse ter ganhado confiança

Agência Estado

20 de agosto de 2008 | 11h19

O atacante argentino Sergio Aguero viveu um momento especial nesta terça-feira ao marcar dois gols na vitória sobre o Brasil por 3 a 0 pela semifinal olímpica do futebol. Foram seus primeiros gols na competição.   E a ascensão do garoto num momento decisivo foi comemorada pelo técnico Sérgio Batista, que enfrentou críticas por mantê-lo no time nos jogos em que passou em branco. "Eu o banquei porque sabia que a qualquer momento ele poderia definir uma partida", comentou o treinador.   O próprio atacante festeja o momento. "Graças a Deus isso aconteceu. Estou muito contente. Na partida contra a Holanda (quartas-de-final) eu havia jogado bem, mas me faltou o gol. A verdade é que essa partida contra o Brasil foi sonhada", disse Aguero, que ofereceu os gols à noiva Giannina, filha de Maradona, que assistiu do estádio à partida do futuro genro.   "Para nós é importante que ele (Aguero) tenha vivido essa grande noite diante do Brasil", comentou o volante Javier Mascherano, capitão do time. "Isso ajuda e dá ainda mais confiança ao time", completou.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.