Jonne Roriz/COB
Jonne Roriz/COB

Alison Brendom concorre ao prêmio de revelação do ano da IAAF

Um dos destaques do atletismo brasileiro na atualidade, ele quebrou sete vezes o recorde sul-americano sub-20

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de novembro de 2019 | 18h59

A Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF, na sigla em inglês) anunciou nesta terça-feira os candidatos ao prêmio de revelação da temporada, uma das categorias da sua premiação anual, e indicou um brasileiro, Alison Brendom Alves dos Santos, entre os cinco finalistas da disputa masculina.

A lembrança a Alison se dá após ele ser um dos destaques dos 400 metros com barreiras em 2019, tanto que foi finalista da prova no Mundial de Atletismo, que aconteceu em Doha, e também quebrou sete vezes o recorde sul-americano sub-20.

"Estou muito feliz porque iniciamos a temporada com metas na categoria sub-20 e acabei superando todas as expectativas. Foi demais", comentou Alison, de 19 anos, que já começa a pensar na sua primeira Olimpíada, pois está classificado. "Agora é me preparar para a Olimpíada Tóquio-2020", completou o atleta.

Com a marca de 48s28, Alison terminou 2019 na liderança do ranking mundial sub-20 nos 400m com barreiras. Além disso, faturou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima e no Pan-Americano Sub-20 de San José, na Costa Rica, da Universíada de Nápoles e do Sul-Americano de Lima, sendo o sétimo colocado no Mundial de Doha.

"Ficamos surpresos pela indicação, porém muito felizes pelo reconhecimento do trabalho a longo prazo que estamos realizando", disse o técnico de Alison, Felipe de Siqueira. "É de extrema importância também para o Alison, que faz parte do processo de formação dele como atleta num todo."

O norueguês Jakob Ingebrigtsen (quinto nos 5.000m e quarto nos 1.500m no Mundial), o ucraniano Mykhaylo Kokhan (quinto no lançamento de martelo no Mundial) e os fundistas etíopes Selemon Baregan (vice-campeão mundial de 5.000m) e Lamecha Girma (vice-campeão mundial dos 3.000m com obstáculos no Mundial) são os concorrentes de Alison.

Na disputa feminina, os candidatos são a jamaicana Britany Anderson, a etíope Lemlem Hailu, a ucraniana Yaroslava Mahuchikh, que foi prata do salto em altura no Mundial, a equatoriana Glenda Morejon e a norte-americana Sha’Carri Richardson.

Os prêmios serão entregues pela IAAF na sua festa de gala, agendada para o dia 23, em Montecarlo.

Para Entender

Programação de tv

Veja as principais atrações esportivas do dia

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.