Jae C. Hong / AP
Jae C. Hong / AP

Anéis olímpicos são instalados na Baía de Tóquio para os Jogos de 2020

Símbolo da Olimpíada ficará próximo ao local de disputa do triatlo e da maratona aquática

Redação, Estadão Conteúdo

17 de janeiro de 2020 | 12h29

Os anéis olímpicos estão em Tóquio. Nesta sexta-feira, eles chegaram através de uma balsa na Baía de Tóquio e vai permanecer por lá para a Olimpíada, que começará em 24 de julho e vai ter sua cerimônia de encerramento em 9 de agosto.

Os anéis nas cores azul, preto, vermelho, amarelo e verde serão substituídos depois pelos símbolos dos Jogos Paralímpicos, que vão se iniciar em 25 de agosto. O símbolo paralímpico é chamado de "Agitos", se assemelhando a três pinceladas em vermelho, azul e verde. A palavra em latim significa "eu me movo".

Os cinco anéis olímpicos instalados na Baía de Tóquio são gigantescos. Eles têm 15,3 metros de altura e 32,6 metros de ponta a ponta. "Decidimos instalar os anéis olímpicos neste momento porque queríamos, assim, iniciar, o ano olímpico", disse Kenichi Kimura, dirigente olímpico do governo metropolitano de Tóquio.

A localização dos anéis na Baía de Tóquio é o Parque Marinho Odaiba, que será o local de competições do triatlo e da maratona aquática nos Jogos. O local parece ser feito sob medida para transmissões televisivas, com vista para o horizonte das águas da capital japonesa e para a Ponte do Arco-Íris de Tóquio. Além disso, muitas das instalações olímpicas estão localizadas ao redor da baía.

Os anéis olímpicos deverão ser o centro das atenções do público em 24 de janeiro, quando Tóquio realizará um espetáculo com fogos de artifício para indicar que faltam seis meses para o início dos Jogos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.